Quarta-feira, 29 de Junho de 2005

E aqui está o motivo do meu sorriso hoje!!!

Henrique.GIFPois é!! Está aqui o motivo do meu sorriso! O filho da minha amiga esteve aqui e fez-me este desenho. Não está LIIIIIIINDOOOOOOO????? Sou ou não sou uma "tia" babada??
publicado por desejandoumanjo às 11:51
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|

Viver

Ontem fui á médica. O meu corpo ainda está a ajustar-se ás mudanças que aconteceram, por isso isto ainda não voltou ao normal. A verdade é que nunca mais vai voltar a ser como era, mas gostava de voltar a sentir aquela sensação de normalidade, sabem? Agora tenho de me habituar a estas novas sensações, por mais que me custem, porque me lembram sempre o que eu perdi.



Mas como estava a dizer, fui á médica. Na sala de espera estava uma senhora, que conversava com as enfermeiras. Reparei que chorava. Reparei também que tinha perdido alguém muito querido. Só depois percebi que tinha perdido um filho. O meu coração ficou apertado, senti um nó no estômago, uma sensação que é difícil de explicar. Ali estava aquela senhora, a falar sobre o seu filho. Chorava enquanto falava, com as enfermeiras em silêncio sem saber o que dizer. E ali estava eu, a ouvi-la também, e a tentar imaginar o sofrimento daquela mãe. Perder um filho aos 25 anos... só pensava que se eu me sinto vazia, nem conseguia começar a perceber o sofrimento daquela senhora. E então a senhora sentou-se. Por algum motivo sentou-se mesmo á minha frente. E olhou para mim. Ficámos ali as duas, a olharmo-nos nos olhos. Aí ela mexe na sua mala e retira de lá um cartão. Diz: “Este é o cartão que ele usava no emprego. Está aqui a fotografia dele. Não volto á psicóloga. Como você sabe, ela não entende o que isto é. Tenho 46 anos e se puder quero dar outro irmão ao meu filho mais novo.” E recomeça a chorar. Senti por momentos que aquela senhora sabia que eu também tinha perdido uma filha. Foi estranha, aquela quase cumplicidade entre nós. Naquela sala, só ela e eu tínhamos perdido filhos. Naquela sala, só ela e eu sentíamos aquele vazio, que ninguém pode preencher.



Quando entrei no consultório, a minha médica estava visivelmente abalada. Tinha estado quase uma hora a falar com a outra senhora. Falámos sobre ela. Falámos sobre o sofrimento de perder um filho. Disse-lhe que quando se perde um filho, passa-se a existir. Deixamos de viver por uns tempos. Somente existimos durante o tempo que leva a reconstruir o que resta das nossas vidas. E aí a médica diz-me: “Está tudo bem (fisicamente) consigo, e parece-me que já está pronta para engravidar de novo.”. E de repente fez-se luz! É verdade! Estou pronta para engravidar de novo. Embora tenha os meus momentos depressivos, isso já não me impede de viver. Eu já recomecei a viver!
publicado por desejandoumanjo às 09:28
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Terça-feira, 28 de Junho de 2005

Esperança

Hope.jpg(http://www.josephbrickey.com)Jamais desesperes, mesmo perante as mais sombrias aflições de sua vida, pois das nuvens mais negras cai água límpida e fecunda.(Provérbio chinês)
publicado por desejandoumanjo às 20:42
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 27 de Junho de 2005

Estás aqui

Estás aqui, sinto-te. Estás aqui, fora de mim, dentro de mim, em tudo o que vejo e sinto. Estás aqui, não posso negá-lo, não quero negá-lo. Existes. Nasceste. És minha e eu sou tua. Entre nós, este elo inquebrável magoa, faz-me chorar. Entre nós, esta cumplicidade preenche-me, faz-me sorrir. Tenho um segredo, precioso, só meu e teu. Partiste, cedo demais deste mundo. Partiste, deixaste-me aqui, com a mente cheia de perguntas sem resposta. Partiste, atrás deixaste um rasto de dor, sofrimento e lágrimas. Partiste, e no teu lugar deixaste um amor verdadeiro e puro. Partiste, deixaste esta saudade que não morre, este desejo, esta vontade, esta certeza de que um dia vamos estar juntas de novo. Este vazio que tenho, que carrego em mim. Este vazio, este silêncio ensurdecedor. Este vazio que tu preenches cada vez mais, cada dia que passa. Este silêncio, preenchido pelas tuas palavras não ditas, pelos teus gestos não vistos, pelos teus carinhos não sentidos. Sinto-te. Não posso explicar, quem entenderia? Estás aqui, como sempre estiveste. Estás aqui, lembrança do que não foi, memória do que poderia ter sido. Estás aqui, e isso chega. Chega para silenciar os meus gritos de revolta. Chega para aconchegar o meu coração atormentado. Chega para acalmar a minha alma ansiosa. Estás aqui, sinto-te. Não me importa o que os outros dizem. Não me importa se mais ninguém te vê como eu te vejo. Não me importa, porque sei que estás aqui.
publicado por desejandoumanjo às 14:09
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Domingo, 26 de Junho de 2005

Hoje...

2.jpgBeatrizHoje sinto-me diferente. Hoje sinto uma nostalgia profunda, uma saudade amarga e doce, uma tristeza que só a ti confesso.Hoje, quase não fiz nada. Hoje, fiquei em casa, agarrada a lembranças do que estivemos tão perto de ter. Hoje, eu escolhi passar o dia contigo, sorrindo para esconder as lágrimas, sorrindo para afastar a dor de hoje não te ter aqui.Hoje é um dia especial. Hoje, o dia é só nosso, de nós os três. Hoje, somos só tu e eu e o teu pai. Hoje, queria segurar-te ao meu colo. Hoje, tenho-te no meu coração e é para sempre.Parabéns, minha pequenina. Porta-te bem. Amo-te
publicado por desejandoumanjo às 21:15
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 24 de Junho de 2005

Ausente

aloneintherain1.jpg(img.photobucket.com/.../ aloneintherain1.jpg)Estive ausente. Aconteceram demasiadas coisas e precisei de um momento de recolhimento. Acho que só na segunda feira é que vou poder voltar ao normal. O filho da minha amiga está melhor, já começou o tratamento e o futuro parece positivo. Eu passei por momentos de grande ansiedade esta semana, mas já está tudo mais sobre controlo. De resto, vou enfrentar um fim de semana complicado emocionalmente. Este domingo, dia 26, seria o nascimento da minha Beatriz. Há medida que o dia se aproxima parece que me sinto a sair de mim. As coisas acontecem e parece que estou a assistir do lado de fora. Não sei como vai ser, não sei como vou passar esse dia, não sei... Só sei que me sinto como o tempo hoje: tristonho e cinzento... O que vale é que sei que o Sol brilhará outra vez. Muito obrigado a todos os que me têm acarinhado neste meu cantinho, e perdoem-me a ausência. BOM FIM DE SEMANA!
publicado por desejandoumanjo às 09:01
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 17 de Junho de 2005

Nos Braços de Um Anjo

angel.jpgVi esta imagem e não resisti. Senti uma paz imensa e uma esperança renovada. As nuvens negras desaparecem lentamente. Tudo começa a melhorar. Ainda bem. Para todos um óptimo fim de semana! E claro, obrigado pelo carinho e apoio. PENSAMENTOS FELIZES!!!!!
publicado por desejandoumanjo às 22:39
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Segunda-feira, 13 de Junho de 2005

Um Pedido

41324_BoyPraying_Pg18_WEB.jpg(3d-decoupage.com)Deus Hoje estou aqui, triste, preocupada e com o coração partido. Não venho pedir para mim. Já não te peço que me expliques o que me aconteceu há seis meses atrás, porque de alguma forma eu já aprendi a lidar com a minha perda e com a minha dor.Deus Hoje eu venho pedir por um menino. Gostava que me explicasses porque tem de ser assim. Que fez este menino? Porque tem ele de sofrer? Será que com seis anos se pode ter tantos pecados assim? Deus Não percebo. Explica-me a tua lógica. Porque permites que certas coisas aconteçam? Porquê? Sempre ouvi dizer que os teus favoritos partem cedo, que nada fazes sem motivo, que escreves direito por linhas tortas. Sempre o ouvi e nunca o entendi. Dizem-me que nunca nos dás um fardo maior do que aquele que podemos suportar. E pergunto-me se somos assim tão fortes. Deus Contigo já tens a minha Beatriz. Espero que não te tenhas importado que eu lhe tenha pedido para tomar conta deste pequenino. Afinal, tens tantos anjos. Por favor deixa que ela olhe por ele e que o proteja da morte. Deus Peço-te, imploro-te. Não deixes que aquela mãe passe pelo que eu passei. Não lhe tires o seu bebé, o seu menino, o seu tesouro. Não deixes que ela sinta o vazio que eu sinto. Não deixes que ela chore lágrimas semelhantes ás que eu ainda choro. Deus Toma conta deste menino e salva-lhe a vida.
publicado por desejandoumanjo às 12:13
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Quinta-feira, 9 de Junho de 2005

E a tristeza chegou...

despair.jpg(www.acutephotos.com - Photographer: Eleonore McCorkle)Estou triste. Se antes era apenas uma sensação de desconforto emocional sem motivo aparente, agora é um sentimento instalado com uma razão de existir. Estou triste. Hoje, mais uma vez senti a injustiça deste mundo que cada vez entendo menos. Recebi uma noticia que me pôs de rastos. Soube que uma criança que eu adoro está muito doente. Este menino só tem 6 anos... Hoje, mais uma vez perguntei-me "Porquê?". Mais uma vez senti aquele aperto no coração, aquela sensação de impotência... Hoje fiquei triste e lágrimas voltaram a correr pela minha face...
publicado por desejandoumanjo às 22:58
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Tou tristinha...

SadPuppy.jpgPois... acontece de vez em quando, né? Tenho andado tristinha, não me apetece fazer nada... vamos lá ver como corre hoje o dia, talvez estas nuvens desapareçam... vamos ver...
publicado por desejandoumanjo às 08:35
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. ...

. Tempo de mudanças...

. E finalmente...

. Bom Dia!

. Bom Fim de Semana!

. Nada como...

. Cansada, com sono, farta ...

. BOA SORTE LIGIA!!!

. Pesadelos

. Não têm...

.arquivos

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

blogs SAPO

.subscrever feeds